Nome completo

Nadia Elena Comaneci

Nacionalidade

ROM

Nascimento

12/12/1961

Local

Onesti

Altura

1, 61m

Ouro

5

Prata

3

Bronze

1

Total

9

Participações

Montreal 1976

Moscou 1980

Histórico olímpico

1976: Individual geral, barras paralelas assimétricas e trave (ouro), equipe (prata) e solo (bronze); 1980: Trave e solo (ouro), equipe e individual geral (prata)

Outras conquistas

Dois ouros e uma prata em Mundiais; nove ouros, duas pratas e um bronze em Europeus

Com apenas 14 anos, Nadia Comaneci tornou-se a primeira ginasta a conquistar uma medalha de ouro com uma nota 10 em Jogos Olímpicos. O feito aconteceu em sua apresentação nas barras assimétricas em Montreal 1976. A nota máxima, no entanto, se repetiria outras seis vezes. A apresentação de Comaneci na trave foi uma das mais arrebatadoras, com movimentos leves e precisos.

A atleta ainda se tornou a mais jovem na história a conquistar o título individual geral (disputa de todos os aparelhos e que coroa a atleta mais completa). Hoje, a idade mínima para uma garota competir é 16 anos, o que impede que seu feito seja igualado. Os feitos de Comaneci no evento a colocaram nas capas de revistas americanas como “Time”, “Newsweek” e “Sports Illustrated”. Com todo esse sucesso, passou a ter seus passos controlados pelo governo comunista do ditador Nicolae Ceausescu.

No ano seguinte, a federação romena de ginástica a afastou de seu lendário técnico, Béla Károlyi, e a enviou para treinar em Bucareste, a capital romena. A mudança não lhe fez bem: Nadia engordou e teve alguns tropeços. Em 1978, a ginasta foi autorizada a treinar novamente com o antigo mentor. Nos Jogos de Moscou, em 1980, conquistou mais duas medalhas de ouro (solo e trave) e duas pratas (individual geral e equipe). No ano seguinte, antes de completar 20 anos, aposentou-se.

Nadia Comaneci foi descoberta por Károlyi aos 6 anos, enquanto dava estrelas no jardim da escola. Em 1969, aos 8 anos, terminou seu primeiro campeonato nacional em 13° lugar. Em 1970, tornou-se a mais jovem ginasta a ganhar a competição. A partir daí, passou a colecionar resultados surpreendentes. Em 1989, poucas semanas antes da revolução que derrubou Ceausescu, Comaneci fugiu da Romênia para os EUA. Em 1996, casou-se com o também ex-ginasta e campeão olímpico Bart Conner. O filho do casal, Dylan Paul, nasceu em 2006. A ex-atleta continua envolvida com a ginástica e com o movimento olímpico, faz trabalhos filantrópicos e tem uma empresa que produz e vende aparelhos esportivos.

search-sample